Assassinato no Expresso do Oriente de Agatha Christie

Releitura passando na sua timeline.

Escolhi esse livro para reler por causa do filme homônimo que foi lançado no final do mês de novembro.

Tá bom, eu sei, foi só uma desculpa para reler mesmo… 😊😊😊 O li pela primeira vez quando eu tinha uns 15 anos, ele foi meu segundo livro da Agatha. Comecei com o Morte no Nilo e em seguida veio esse… foi tipo paixão a primeira leitura. Ler os livros da autora foi o que me deu a sensação que eu poderia ser uma leitora de livros de “gente grande”, que conseguia ler um livro todo com mais de 200 páginas e que aquilo era divertido.

Como já sabemos, um assassinato acontece dentro do trem chamado Expresso do Oriente e todos os seus passageiros são considerados suspeitos do crime. Continuar lendo

Anúncios

Assassinato no campo de golfe de Agatha Christie

Ah, esse foi uma releitura… fiquei com medo de não gostar mais desse livro. Apesar de não me lembrar de quase nada dele, sempre ele figurava como um dos meus favoritos e não queria me decepcionar com a nova leitura. Continuar lendo

[Spoiler] As duas torres de J. J. R. Tolkien

E vamos continuar a saga dessa comitiva. Agora ela está toda espalhada, Frodo e Sam, seguiram viagem sem o restante do grupo. Pippin e Merry estão sumidos e Aragorn, Legolas e Gimli, estão procurando os dois desaparecidos.

Achei esse livro mais difícil de ler, a história agora começa a se complicar e muitos novos personagens vão ser inseridos na narrativa, mas devo confessar, Tolkien continua sensacional em sua narrativa.

Continuar lendo

[Spoiler] A sociedade do anel de J. R. R Tolkien

Esse post vai ser um pouco diferente, acho que vai ficar longo, pois estou colocando além das minhas impressões de leitura, algumas informações que fui achando aqui e ali.

Tenho que começar dizendo que esse livro é sensacional, e estou falando isso com apenas um prólogo e dois capítulos lidos. É aquele tipo de leitura que pede para você pesquisar, olhar, procurar e estudar, mas tudo de uma forma boa e leve… paro de ler e só fico pensando nele, em como a história vai continuar e passo horas olhando os mapas desse mundo novo que estou conhecendo. E olha que nunca fui muito fã de geografia. Continuar lendo

Os meninos da rua Paulo de Ferenc Molnár

Esse é um daqueles livros que tem história. Recebi a indicação do meu pai, que não é muito fã de literatura.

Depois, fui morar na casa da minha tia e um dia vi um exemplar desse livro no meio dos livros dela e ela diz: – Esse livro é muito bom, sempre lembro de seu pai quando leio.


Quando comecei a ler, em uma viagem à trabalho, meu chefe olha e diz: – Nossa, que legal! Você está lendo esse livro! Meu professor lia para a sala todos os dias uma parte desse livro e nos adorávamos.

Bem, como viram, muita gente tem uma história com esse livro e a todos impressionou de alguma forma.

Quando comecei a ler, confesso, não me animei muito, mas com o passar das páginas, as aventuras dos meninos vão te carregando e você vai se afeiçoando a esses garotos.

A história gira em torno de um grupo de meninos que tem que proteger seu grund, um pedacinho de terra que eles têm para brincar, dos camisa-vermelha, outro grupo de crianças que querem o mesmo lugar para jogar.

É muito bonito como o autor conta a história de amizade, coragem e heroísmo desses meninos. É uma história triste, mas tocante, por isso, eu li e indico.